11 Sep 2019

Leia a peça de um ato do escritor sueco August Strindberg.

11 Dec 2018

O texto “Pequeno Órganon para o Teatro”, escrito em 1948, é uma série de propostas e afirmações sobre como uma peça de teatro deve ser encenada no palco para que esta não fique restringida apenas em dar diversão ao espectador, mas acima de tudo faça com que este espect...

16 Jun 2018

Dramaturgo, poeta e encenador, Bertold Brecht (Augsburg, 10 de fevereiro de 1898 — Berlim Leste, 15 de agosto de 1956) foi um artista mundialmente conhecido, cujas obras e teorias influenciaram profundamente o teatro contemporâneo.

Marxista e inserido em um periodo de i...

4 May 2018

Para além de sua construção, de sua monstagem e interpretação. O que é uma personagem?

O Documentário abaixo, concebido por Fernando Martins, diretor artístico do Teatro dos Ventos - Confraria Artística, integra a pesquisa de mestrado intitulada Teatro, Técnica, Desejo:...

18 Feb 2018

O espetáculo [Entre] Cravos & lírios traz à cena uma dupla de excêntricos vagabundos que vivem à margem da sociedade. Um deles, faz do cemitério o seu lar, movido pelo desejo de jamais ficar longe do túmulo daquela que um dia foi sua amada. O outro é um andarilho que f...

Please reload

OT72GE7TVWWD333IV5NELULJ3I.jpg

 

Em meio à festa, à dança. à diversão: o tempo passa.
Em meio ao trabalho, o relatório, o feedback: o tempo passa.

Durante o domingo, durante o sexo, durante a partida de futebol e a risada pós piada, cada segundo passa, escorrendo pelo rastro de tantos outros segundos perdidos, de tantas outras ideias esquecidas, de tantos outros desejos abandonados.

Se uma ideia não realizada é uma ideia inexistente, então também cada palavra não proclamada é um pensamento inexistente. Cada plano abandonado uma rendição prévia. E a cada tópico anteriormente citado, uma inexistência de parte do que nos constitui.

Totentanz é a recordação do tempo constante, é a observação do tudo no agora.

É a busca, mesmo que sempre busca, da observação do caos em sua plenitude.

O Manifesto não busca a individualidade, nem a remediação do singular. 

Pretende a busca da identificação exterior do sujeito de Rimbaud. O continente humano de John Donne. A celebração de Whitman. A razão de Hamlet. O tempo: Chronos e Kairós.

   MANIFESTo TOTENTANZ    

     POSTS centes:      
Please reload

Feed do Instagram

© 2016 por O Caos Cultural.